Evento em shopping promove integração entre brasileiros e refugiados

Oficina de Expressão Corporal do Adus promove valorização dos refugiados
14 de março de 2017
Participantes recebem certificado de curso sobre alimentação
31 de março de 2017
Mostrar tudo

Evento em shopping promove integração entre brasileiros e refugiados

Texto: Igor Fernandes / Fotos: Antônia Souza

Além da Feirinha Étnica, a iniciativa ainda conta com exposição fotográfica e apresentações de música e dança

O Adus – Instituto de Reintegração do Refugiado – realizou nos dias 17, 18 e 19 de março a Feirinha Étnica em parceria com o shopping Center 3, na Avenida Paulista. A ação contou com a participação de refugiados, solicitantes de refúgio e pessoas em situação análoga ao refúgio, que ocuparam os dez estandes do lounge do estabelecimento. Participantes da Síria, Togo, Nigéria, Haiti, Senegal e Guiana Inglesa mostraram seus trabalhos por meio de artesanatos, quadros, camisas, tecidos, turbantes, bonecas, perfumes, entre outros objetos típicos.

O evento atraiu a atenção de centenas de visitantes do shopping e serviu para promover integração entre os brasileiros e os estrangeiros, além de contribuir para a inclusão dos refugiados na sociedade. “Uma feira como essa é importante porque é uma maneira de mostrar a cultura de cada país. Isso é fundamental porque os imigrantes e os refugiados aqui no Brasil precisam mostrar o que eles têm e o que eles podem fazer. É uma maravilha estar num lugar como este, na Paulista, no shopping Center 3”, explica o artista haitiano Dady Simon, que vendeu seus quadros durante a Feira.

O espaço também contou um pequeno espaço do Adus para vender a arte produzida pela artista Sophia Maia, uma menina de 10 anos que abraçou a causa dos Refugiados e reverte a venda de seus livros e camisetas para a instituição. Vale lembrar que a renda do que foi vendido pelos participantes do evento fica integralmente com eles.

Exposição fotográfica e shows
A Feirinha integra o evento “Refugiados – Um lar chamado São Paulo”, que conta também com exposição de fotos de pessoas assistidas pela ONG, com informações e dados sobre a situação do refúgio no Brasil e no mundo. As imagens são do fotógrafo Felipe Grespan e ficarão expostas até maio em todos os andares do shopping.

O evento também apresenta, em meados de março, shows gratuitos de músicos refugiados que acontecem aos domingos, às 14h, na entrada do Center 3. Já se apresentaram o Coral Voz da África, da República Democrática do Congo, e a banda Senegal Sunugal. No mês de abril o grupo Os Escolhidos (composto por integrantes de vários países) e os cantores palestinos Oula Al- Saghir e Abdel Salam. Eles se apresentam nos dias 2, 9 e 30, respectivamente. Fecha a programação musical os sírios da Fady e Banda, que se apresentarão no dia 7 de maio.

Comments are closed.