Ser humano é ser diverso
5 de setembro de 2019
Visitas ao Adus: a porta de entrada para a causa do refúgio
6 de setembro de 2019
Mostrar tudo

Beleza sem fronteiras

No último dia 10/08/19 massagistas, manicures/pedicures, barbeiro, tatuadora, trançadeiras e outros profissionais ligados à área da beleza de diferentes nacionalidades transformaram o Instituto Adus em um delicioso e acessível “spa”.

Refugiados dos mais diversos países mostraram suas forças de trabalho oferecendo serviços à comunidade paulistana. Entre estes cita-se o barbeiro nigeriano Jesse Okolo, há quatro anos no Brasil e pela primeira vez participante de um evento em que refugiados e imigrantes dividem um único espaço em prol do mesmo objetivo. “Iniciativas como essas são importantes para confirmar que nós imigrantes e refugiados temos também muito a acrescentar na sociedade brasileira”, alerta Jesse.

Mais de 300 pessoas de várias faixas etárias aproveitaram os cuidados de beleza oferecidos ao longo do dia. No espaço podia-se conferir a alegria de uma adolescente ao ver o resultado de sua trança nos cabelos feita com todo carinho pela trançadeira de Camarões, assim como a senhora de 80 anos que alegremente adquiria o creme de beleza da linha de cuidados naturais da colombiana Tatiana Figueroa. “Atividades assim deveriam ser mais comuns em São Paulo, essa é uma forma da gente conhecer os refugiados que chegam em nosso País, adorei a experiência”, sugere a aposentada Bárbara Costa. “Além de mais bonita vou sair daqui com mais conhecimento, pois aqui é um mapa- múndi em um lugar só “, diverte-se a aposentada mostrando suas unhas pintadas pela manicure Rachelle Louis do Haiti, exibindo a tatuagem de henna feita pela tatuadora do Sudão e já na lista de espera para entregar-se às mãos do massagista cubano, Ulicer Ramirez.

O dia da Beleza foi ideia de um grupo de voluntárias, como forma não só de proporcionar renda aos refugiados, mas também como integração entre toda a equipe de voluntários do Instituto. O evento chamou a atenção da produção da emissora Globo, que transmitiu ao vivo o Dia da Beleza no jornal local SPTV 1ª. edição.

O acontecimento foi “regado” à música do cantor e compositor do Togo, Tyno Val e contou com a oficina de dança da congolesa Prudence Kalambay, uma das personagens de abertura da novela Órfãos da Terra.
Um brinde aos refugiados e imigrantes no Brasil: os filhos da TERRA!!!

 

Texto: Tâmara Oliveira Santana
Fotos: Bianca Sakai

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *